CLÍNICA DE OLHOS AVANÇADA

HÁ 19 ANOS CUIDADO DA SAÚDE OFTALMOLÓGICA

Sobre a Clínica

A Clínica de Olhos Avançada, fundada em 2005 em Itaboraí, é um centro médico e cirúrgico especializado em oftalmologia com 19 anos de experiência. Conta com equipamentos de última geração, oferecendo o que há de mais moderno em aparelhos para a realização dos seus exames.

Nossa equipe médica proporciona a cada paciente um atendimento individualizado, uma consulta humanizada, eficiente e diferenciada.

São realizados em nossa clínica: consultas, exames, adaptação de lentes de contato, cirurgias e atendimentos de emergência (de 9 às 17h).

Em 2022 acrescentamos à Clínica o SPA dos Olhos. Que oferece a tecnologia ILUX no combate ao olho seco, tão comum em nosso meio. Também contamos hoje com as terapias faciais relacionadas à Toxina Botulínica (Botox) e preenchimento com Ácido Hialurônico (Harmonização Facial).

Se você busca excelência e tecnologia de ponta, conte conosco.

SEJA BEM-VINDO(A) À COA!

Convênios

Corpo Clínico

CRM-RJ 5260832-9 / RQE 22933

Médico Graduado em 1995 pela UFF (Universidade Federal Fluminense).

Título de Especialista em Oftalmologia pela AMB (Associação Médica Brasileira) e CBO (Conselho Brasileiro de Oftalmologia).

Pós Graduação em Medicina Estética pela Faculdade ISMD/Michigan State University.
CRM-RJ 5280028-7 / RQE 38593 /
CRM-MG 48545

Médica Graduada em 2005 pela FMC (Faculdade de Medicina Campos).

Título de Especialista em Oftalmologia pela AMB (Associação Médica Brasileira) e CBO (Conselho Brasileiro de Oftalmologia).

Fellowship em cirurgias do segmento anterior, Catarata, Transplante de Córnea e Doenças Externas Oculares pelo HSG/HC-UFMG (Hospital São Geraldo/Hospital das Clínicas da UFMG).

Pós Graduação em Medicina Estética pela Faculdade ISMD/Michigan State University.

Exames e Procedimentos

campo visual computadorizado

Campo Visual Computadorizado

Curva Diária de Pressão

Facectomia

Fundoscopia

indice

Filme Lacrimal

Mapeamento de Retina

Microscopia Especular de Córnea

OCT (Tomografia de Coerência Óptica)

Paquimetria

Refração

Retinografia

schirmer

SCHIRMER

Tecnologia Ilux

Teste do Olhinho

Teste Ishihara

teste lisamina verde

Teste Lisamina Verde

Teste Rosa Bengala

Tonometria

Topografia

Toxina Botulínica (Botox)

Contato

Campo Visual Computadorizado

O Campo Visual Computadorizado é um teste diagnóstico utilizado para avaliar a função visual periférica e central. Durante o teste, o paciente fixa o olhar em um ponto central enquanto pequenos pontos de luz são projetados em diferentes áreas do campo visual. O paciente responde indicando quando percebe as luzes, permitindo ao oftalmologista mapear a extensão e a profundidade do campo visual. Este teste é frequentemente utilizado na detecção e monitoramento de condições como Glaucoma, Distúrbios do Nervo Óptico, Lesões Cerebrais e outras doenças que afetam a visão periférica. Ele também avalia se existem áreas sem visão em alguma região do olho, mesmo que essa falha não seja notada pelo paciente.

Preparação: Pacientes que estão em tratamento por Glaucoma e fazem uso da Pilocarpina, devem suspendê-lo por três dias antes da realização do exame (autorizado pelo oftalmologista).

Curva Diária de Pressão

A Curva Diária de Pressão (CDP) é um teste que mede a Pressão Intraocular (Pio) em 4 horários do dia. A Pressão Intraocular normal de um indivíduo é sempre mais alta pela manhã e vai diminuindo gradativamente ao longo do dia, sendo ainda mais baixa à noite. Este teste é frequentemente utilizado no diagnóstico e monitoramento do Glaucoma, uma condição caracterizada pelo aumento ou não da Pio que pode causar danos ao Nervo Óptico e Perda de Visão.

Facectomia

A Facectomia é um procedimento cirúrgico no qual o cristalino opaco é removido do olho. Este procedimento é frequentemente realizado para tratar a catarata, uma condição na qual o cristalino torna-se opaco, causando visão turva e embaçada. Durante a Facectomia, o cristalino é removido e substituído por uma Lente Intraocular (Lio), restaurando a clareza da visão.

Fundoscopia

A Fundoscopia é um exame oftalmológico realizado para avaliar o fundo do olho, incluindo a retina, o nervo óptico e os vasos sanguíneos do pólo posterior. Durante o exame, o oftalmologista utiliza um instrumento chamado oftalmoscópio para visualizar o interior do olho através da pupila dilatada. A fundoscopia é frequentemente utilizada no diagnóstico e monitoramento de condições oculares como Retinopatia Diabética, Degeneração Macular, Descolamento de Retina e diversas outras patologias.

Filme Lacrimal

Um filme lacrimal saudável depende de uma interação sinérgica das glândulas lacrimais, pálpebras e superfície ocular, que juntas compõem a unidade funcional lacrimal. A disfunção de qualquer componente dessa unidade funcional lacrimal pode levar à doença do olho seco. O tempo de ruptura do filme lacrimal (ou “Break Up Time” ou BUT) permite a avaliação da estabilidade do filme lacrimal sobre a córnea. É realizado instilando uma gota de fluoresceína sódica 1% e, após o paciente piscar os olhos inúmeras vezes, é observado na lâmpada de fenda sob iluminação com filtro azul de cobalto.

Mapeamento de Retina

O Mapeamento de Retina é um exame que utiliza um aparelho chamado Oftalmoscópio Indireto (OBI), que permite a visualização de imagens detalhadas da Retina em todos os quadrantes dos olhos. Durante o procedimento o oftalmologista pode examinar a retina em busca de sinais de doenças oculares como Degeneração Macular, Retinopatia Diabética, Descolamento de Retina e outras condições que afetam a saúde ocular. O mapeamento de retina é fundamental para o diagnóstico precoce e o monitoramento de doenças oculares, permitindo um tratamento eficaz para preservar a visão. É um exame que deve ser realizado ANUALMENTE por todo indivíduo, mesmo aqueles com a visão perfeita. O mapeamento também permite diagnosticar Hipertensão Arterial, Diabetes, Doenças Reumáticas, Neurológicas e Hematológicas.

Microscopia Especular de Córnea

A Microscopia Especular de Córnea (MEC) é um exame que permite a análise das células da camada mais interna da córnea, chamada de endotélio corneano. Durante o procedimento, o oftalmologista utiliza um microscópio especializado para examinar a forma, tamanho e densidade das células endoteliais da córnea. Este exame é frequentemente utilizado no pré-operatório de Cirurgias de Catarata, Transplante de Córnea e para monitorar a saúde corneana em casos de doenças como Distrofias Corneanas e Edema da Córnea.

OCT (Tomografia de Coerência Óptica)

A Tomografia de Coerência Óptica (OCT) é uma técnica de imagem não invasiva que produz imagens em alta resolução das estruturas internas do olho. Utilizando feixes de luz de comprimento de onda específico, o OCT permite a visualização detalhada da Retina, do Nervo Óptico, da Mácula e outras estruturas oculares. Este exame é fundamental no diagnóstico e monitoramento de condições como Degeneração Macular, Edema Macular, Buracos Maculares, Glaucoma e infinitas outras doenças que afetam a saúde ocular. O OCT produz imagens de alta resolução em 3 dimensões das estruturas oculares.

Preparação: O paciente não pode estar usando lentes na hora de realizar o exame.

É importante a presença de um acompanhante, pelo fato de haver necessidade de dilatar a pupila.

PAM (Potencial de Acuidade Macular)

O PAM, ou Potencial de Acuidade Macular, é um exame oftalmológico que se concentra na avaliação da visão central, especialmente em casos em que a visão pode estar comprometida devido a condições como Catarata, Degeneração Macular ou Edema Macular. O objetivo do PAM é avaliar o potencial da visão do paciente e é indicado para quem possui dificuldade em enxergar ou candidatos a cirurgia de catarata ou transplante de córnea.

Preparação: o paciente não pode estar usando lentes na hora de realizar os exames.

É importante a presença de um acompanhante, pelo fato de haver necessidade de dilatar a pupila.

Paquimetria

A Paquimetria é um exame que mede a espessura da córnea. Durante o procedimento, um instrumento especializado é utilizado para medir a espessura da córnea em diferentes pontos da sua superfície. A Paquimetria é frequentemente realizada como parte da avaliação pré-operatória de cirurgias refrativas, transplante de córnea, check-up de Glaucoma, diagnóstico e monitoramento de condições como Edema Corneano e Ceratocone.

Não há necessidade de preparação nem de um acompanhante.

Refração

A Refração é um exame utilizado para determinar o grau de erro refrativo de um indivíduo e prescrever a correção óptica adequada, como óculos ou lentes de contato. Durante o exame de refração, o paciente é submetido a uma série de testes visuais para determinar a sua acuidade visual e a necessidade de correção óptica para condições como Miopia, Hipermetropia, Astigmatismo e Presbiopia.

Retinografia

A Retinografia é um exame de imagem que produz fotografias coloridas ou em preto e branco da retina. Este exame é frequentemente utilizado no diagnóstico e monitoramento de condições oculares como Retinopatia Diabética, Degeneração Macular, Descolamento de Retina, além de permitir diagnosticar e acompanhar uma série de doenças que afetam a Retina e o Nervo Óptico. A Retinografia permite ao oftalmologista documentar as alterações na retina ao longo do tempo e avaliar a eficácia do tratamento.

Preparação: O paciente não pode estar usando lentes na hora de realizar o exame.

É importante a presença de um acompanhante, pelo fato de haver necessidade de dilatar a pupila.

Teste Schirmer

O Teste de Schirmer é um exame utilizado para avaliar a produção de lágrimas pelos olhos. Durante o procedimento, pequenas tiras de papel de filtro são colocadas sob as pálpebras inferiores para absorver as lágrimas produzidas. Este teste é frequentemente utilizado no diagnóstico de condições como Olho Seco, onde há uma produção insuficiente de lágrimas para manter os olhos lubrificados e protegidos.

Tecnologia ILUX

A Tecnologia ILUX é um tratamento hi-tech para Olho Seco e Blefarite que utiliza a tecnologia de termopulsação com Leds de alta potência. O tratamento dura em torno de 12 a 15 minutos, tem a grande vantagem de tratar tanto a pálpebra superior quanto a inferior, é realizado em uma única sessão e seus resultados podem ser observados por até 12 meses. A sessão de iLux pode ser repetida após 6 meses, se houver necessidade.

Teste do Olhinho

O Teste do Olhinho, também conhecido como Teste do Reflexo Vermelho, é um exame simples e não invasivo usado para detectar problemas oculares em recém-nascidos e crianças pequenas. Durante o teste, uma luz é direcionada para os olhos do bebê, e um dispositivo especial detecta o reflexo vermelho produzido pela retina saudável. Esse reflexo é importante para verificar a saúde ocular e identificar possíveis problemas, como Catarata, Glaucoma Congênito, Tumores ou outras condições oculares.

Teste Ishihara

O Teste Ishihara é um teste de visão de cores. Consiste em uma série de placas com círculos coloridos compostos por pontos coloridos que formam números ou formas visíveis apenas para pessoas com visão normal de cores. Pessoas com daltonismo podem não conseguir identificar corretamente os números ou formas nas placas, o que indica a presença de alguma deficiência.

Teste Lisamina Verde

O Teste de Lisamina Verde, também conhecido como Teste de Fluoresceína, é um exame que utiliza um corante especial chamado Lisamina Verde para avaliar a saúde da córnea e da superfície ocular. Durante o teste, uma pequena quantidade de Lisamina Verde é aplicada na superfície do olho, e o oftalmologista observa a distribuição e a absorção do corante sob luz especial. Esse teste é útil no diagnóstico de Lesões, Úlceras ou outros Distúrbios da Córnea.

Teste Rosa Bengala

O Teste Rosa Bengala é um exame que utiliza um corante chamado rosa bengala para avaliar a integridade do filme lacrimal e a presença de lesões na superfície ocular. Durante o teste, o corante é aplicado na superfície do olho, e o oftalmologista observa a distribuição e a retenção do corante sob luz especial. Esse teste é útil no diagnóstico e monitoramento de condições como Olho Seco, Abrasões Corneanas e Úlceras de Córnea. Com isso, o exame também pode fornecer dados para avaliar o grau de desvitalização das células da superfície da córnea e conjuntiva.

Tonometria

A tonometria é um exame que mede a pressão intraocular, que é a pressão dentro do olho. Ela permite monitorar o glaucoma, uma condição ocular caracterizada pelo aumento da pressão intraocular que pode levar à perda de visão se não for tratada. Deve ser realizada ANUALMENTE por todo indivíduo. Mesmo aqueles com visão perfeita.

Topografia

A Topografia Corneana é um exame que mapeia a superfície da córnea, permitindo ao oftalmologista avaliar a curvatura e a forma da córnea. Esse exame é útil no diagnóstico e monitoramento de condições como Ceratocone, Astigmatismo e Distorções da Córnea. A topografia corneana é frequentemente realizada como parte da avaliação pré-operatória de cirurgias refrativas, transplante de córnea e no acompanhamento pós-operatório de procedimentos corneanos. Além de ajudar no acompanhamento de adaptação de lentes de contato.

Preparação: O paciente que faz uso de lentes de contato deve suspendê-las um dia antes da realização do exame.

Toxina Botulínica (Botox)

A Toxina Botulínica, popularmente conhecida como Botox, é uma substância utilizada para tratamentos estéticos e terapêuticos. Na área da estética, em nossa Clínica, a Toxina Botulínica é utilizada para o tratamento de rugas dinâmicas.

Já as aplicações com fins terapêuticos utilizamos para tratamento de Hiperidrose Axilar, Palmar e Plantar.